Esses aplicativos foram baixados um milhão de vezes e estão cheios de malware: exclua-os agora

Índice
  1. Uma nova seleção de aplicativos perigosos apareceu no Google Play - você deve se livrar deles o mais rápido possível.
  2. Quatro aplicativos, mais de um milhão de downloads e um Trojan perigoso

Uma nova seleção de aplicativos perigosos apareceu no Google Play - você deve se livrar deles o mais rápido possível.

Esses aplicativos foram baixados um milhão de vezes e estão cheios de malware: exclua-os agora

Especialistas em cibersegurança da MalwareBytes avisaram sobre um nova ameaça direcionada a dispositivos Android através de aplicações perigosas distribuído na Google Play Store. No total, eles descobriram quatro aplicativos com um Trojan dentrotodos eles oferecidos pelo desenvolvedor "Mobile Apps Group", e com mais de um milhão de downloads acumulado entre todos.

você pode gostar 💪👉Pagar a conta em grupos ficará mais fácil com o novo Google Pay

O Trojan escondido nos aplicativos é identificado como Trojan.HiddenAds.BTGTHBe como os especialistas relataram, não começou a agir até depois de vários dias da instalação nos dispositivos das vítimas. Dessa forma, as suspeitas não foram levantadas desde o primeiro momento em que o aplicativo malicioso foi baixado.

aplicativos Android

Aplicativos em um smartphone Android.

Quatro aplicativos, mais de um milhão de downloads e um Trojan perigoso

Graças aos testes realizados, descobriu-se que, passados ​​alguns dias desde a instalação do aplicativo e o Trojan começa a realizar seu ataque, ele consiste em abrir páginas da web phishing no navegador. Algumas das páginas da web não representam um risco sério para os usuários além de um barragem de publicidade de diferentes tiposmas outros mostram conteúdo adulto, páginas destinadas a realizar ataquesa phishing e eles podem até chegar bloquear o dispositivo.

você pode gostar 💪👉Esta alternativa gratuita ao YouTube tem a melhor reprodução em tela inteira

As guias do Chrome abrem em segundo plano mesmo quando o dispositivo móvel está bloqueado. Quando o usuário desbloqueia o dispositivo, o Chrome abre com o site mais recente. Uma nova guia é aberta com um novo site com frequência e, como resultado, desbloquear o telefone após várias horas significa fechar várias guias. O histórico do navegador do usuário também será uma longa lista de sites de phishing desagradáveis.

O mais preocupante é que o quatro aplicativos infectados conseguiram contornar os sistemas de proteção do Google Play Protect, e, portanto, foram publicados na Play Store. Além disso, sabe-se que o desenvolvedor por trás desses aplicativos já havia realizado campanhas de ataque semelhantes no passado, mas o Google decidiu não suspender sua conta.

Aplicativos com malware

Os quatro aplicativos com malware que conseguiram se infiltrar na Google Play Store.

você pode gostar 💪👉52 aplicativos gratuitos que costumavam ser pagos: execute antes de irem

Atualmente, os aplicativos ainda estão presentes na Google Play Store, e não foram removidos pelo Google. A lista completa de aplicativos com adware dentro dele está disponível abaixo:

  • Conexão automática Bluetooth
  • Driver: Bluetooth, Wi-Fi, USB
  • Remetente do aplicativo Bluetooth
  • Transferência móvel: interruptor inteligente
Como remover um vírus do seu telefone, passo a passo

É muito importante que todas as pessoas que têm algum desses aplicativos instalados em seus celulares removê-los o mais rápido possível. Por outro lado, confiamos que o Google decida removê-los do catálogo da Play Store o mais rápido possível.

Para você

© 2022 Difoosion, SL Todos os direitos reservados.